MOVIMENTO natura

PROTEGER CRIANÇAS E ADOLESCENTES É RESPONSABILIDADE DE TODOS NÓS!

Saiba como apoiar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração de Crianças e Adolescentes para contribuir com o bem estar de meninos e meninas.

imagem

Que tal inspirar mais gente com esta história?

18 de maio é um dia de luta e de conscientização. Instituído em 2000, o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes busca mobilizar e engajar a sociedade contra a violação dos direitos da população infanto-juvenil.
 
O abuso e a exploração do corpo e da sexualidade de meninos e meninas é uma violação grave de seus direitos e compromete o seu desenvolvimento físico, psicológico e social.
 

Para que nunca se repita


A origem da data carrega um grave e lamentável acontecimento. Em 1973, Araceli Cabrera Sanches, então com 8 anos, foi sequestrada quando estava a caminho da escola, em Vitória (ES). Araceli foi cruelmente violentada e assassinada, mas os autores do crime jamais foram condenados.
 
O caso gerou grande repercussão e mobilizou a população brasileira em defesa dos direitos das crianças e adolescentes. Pela memória de Araceli e de tantos outros jovens que sofrem diariamente situações de violência, foi instituída esta data a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000.
 

Maio é mês de luta


Todos os dias, centenas de crianças e adolescentes são abusados ou explorados sexualmente no Brasil. No País, cerca de 100 mil casos de violência sexual contra a população infantojuvenil por ano, segundo a Organização Internacional do Trabalho (Fonte: CFP).
 
Entretanto, a maioria dos atos de violação dos direitos de crianças e adolescentes não são comunicados. Menos de 20% dos casos chegam ao conhecimento das pessoas encarregadas de tomar providências. Maio é um mês de luta para mudar essa realidade!
 

Participe da Campanha "Faça Bonito"


A melhor maneira de combater a violência sexual contra crianças e adolescentes é a prevenção, por isso, é importante o trabalho de conscientizar e sensibilizar a população. O combate a essa realidade exige também que casos de abuso e exploração sejam denunciados.
 
No dia 18 de maio, participe da campanha "Faça Bonito", da Fundação Abrinq. Veja os detalhes aqui. O cuidado e a proteção de crianças e adolescentes é responsabilidade de todos nós!
 

Disque100


Se você souber de algum caso de violência sexual infantil, ligue para o Disque Direitos Humanos. As ligações são gratuitas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta para o número 100. O atendimento telefônico funciona 24 horas por dia, nos sete dias da semana.
 
O Disque 100 é um canal de comunicação da Secretaria de Direitos Humanos que, no prazo máximo de 24 horas, encaminha todas as denúncias aos órgãos competentes para apuração das responsabilidades. As denúncias podem ser anônimas, quando solicitado.
 
Denúncias também podem ser feitas online pelo e-mail: disquedenuncia@sedh.gov.br.
 

Apoie quem já oferece apoio


Além disso, você pode apoiar diversas iniciativas que atuam para atender e cuidar de crianças e adolescentes que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Seu apoio, seja em forma de doações, de participação voluntária ou de divulgação, fará a diferença!
 

Casa do Pão

O projeto social acolhe principalmente crianças e adolescentes que já passaram por algum tipo de vivência com drogas ou prostituição, em Neópolis (SE). Para atendê-los, a Casa do Pão oferece oportunidades não apenas aos jovens, mas a toda família, construindo lares mais estáveis e seguros.
 

Juntos Somos Fortes

Em Jaboatão dos Guararapes (PE), Juntos Somos Fortes valoriza a rua como espaço de encontro para estimular crianças e jovens a estudar, sonhar e se divertir. A iniciativa cria momentos de convívio e acolhimento por meio de brincadeiras, oficinas, aulas e conversas.
 

Boxe Top Team

Diversas atividades esportivas, educacionais e culturais voltadas para o público jovem são promovidas em Osasco (SP) pelo Boxe Top Team. A iniciativa também oferece assistência social, jurídica e psicossocial às famílias das comunidades onde atua.
 

Projeto Casa das Mangueiras

Visando a redução da violência em uma comunidade de Ribeirão Preto (SP), o projeto oferece diversas atividades voltadas ao público infantojuvenil. Assim, a Casa das Mangueiras atua para ampliar o acesso de crianças e adolescentes a direitos socioassistenciais e para incluí-los no mercado de trabalho.
 

Associação Beneficente Comunidade de Mãos Dadas

A iniciativa constrói soluções eficientes para os desafios cotidianos em Ibotirama (BA). Com o objetivo de oferecer à comunidade um espaço de lazer e crescimento pessoal, a Associação Beneficente Comunidade Mãos Dadas promove atividades educativas, culturais e esportivas para crianças e jovens.
 

Espaço Cultural DOM

O projeto social busca transformar a realidade de jovens em bairros carentes de Varginha (MG). Diversas atividades recreativas e esportivas são oferecidas no Espaço Cultural DOM, como forma de incentivar a educação, a cidadania e o respeito.
 
 

Participe!


Há muitas formas de contribuir para a segurança e para o bem estar de crianças e adolescentes. Apoie projetos, compartilhe conhecimento e ajude a garantir um futuro seguro para todos.
 
Saiba mais sobre o tema no site da Fundação Abrinq.

Movimento Natura
Maio de 2017