Movimento Natura

MOVIMENTO natura

Maracatu Coração Nazareno

Voluntária em projeto para a valorização da mulher em Nazaré da Mata (PE) é uma das vencedoras do Prêmio Acolher 2018.

imagem

Que tal inspirar mais gente com esta história?

Conhecida como a Terra do Maracatu, Nazaré da Mata (PE) abriga o Maracatu Coração Nazareno, um dos projetos da Associação das Mulheres de Nazaré da Mata (AMUNAM). Único grupo de maracatu na categoria Baque Solto exclusivamente feminino do Brasil, ele vem quebrando preconceitos e abrindo espaços para as mulheres nas manifestações populares pernambucanas.
 
Vandessa Cristina Rodrafe, Consultora de Beleza Natura, além de voluntária da AMUNAM, é filha de Eliane Ferreira, que em 1988 fundou a Associação. "Com o tempo, compreendi os esforços da minha mãe e pude testemunhar o empoderamento das mulheres e a conquista de autonomia”, conta Consultora de Beleza.
 

A força da mulher no maracatu rural


No grupo de maracatu, as mulheres da Associação exercem todas as funções, desde as costureiras que criam as indumentárias para as apresentações no Carnaval até a mestra que canta as toadas. "Tudo começou com a intenção de botar o maracatu na rua para que todas pudessem aprender a tocar, cantar e bordar como uma nova fonte de renda", diz Vandessa.
 
Atualmente, o grupo é formado por cerca de 70 mulheres, de crianças a idosas. Com suas atividades, o Maracatu Coração Nazareno busca contribuir para o aumento da autoestima das participantes, a criação de laços afetivos e o contato com novos conhecimentos, incentivando-as a ocuparem os espaços que quiserem na sociedade.


Presença na comunidade


Primeira ONG voltada para os direitos da mulher de Nazaré da Mata (PE), a AMUNAM é muito procurada para ajudar outras cidades da região a criarem suas associações. A instituição fica aberta todos os dias da semana e oferece atividades no contraturno escolar para crianças e adolescentes.
 
Além do grupo de maracatu, a instituição organiza conversas sobre sexualidade, cidadania e outras temáticas voltadas para o empoderamento feminino. Há também, em casos de violência e abuso, acompanhamento psicológico, apoio e encaminhamento aos órgãos competentes.
 
As voluntárias assumem ainda uma grande responsabilidade na formação cidadã de toda a comunidade. Além de um projeto para aumentar a participação feminina na câmara de vereadores, coordenam a Rádio Comunitária Alternativa FM, com programas culturais e noticiários voltados para o público da região.

 

Vencedora do Prêmio Acolher 2018


Por sua dedicação à iniciativa, que alia empoderamento feminino, formação cidadã e cultura popular, a Consultora de Beleza Natura foi uma das vencedoras do Prêmio Acolher 2018. Essa premiação foi criada pela Natura em 2010, para reconhecer e apoiar lideranças que se dedicam a melhorar a realidade de suas comunidades.
 
Os recursos do Prêmio serão utilizados na ampliação do projeto e em melhorias estruturais, para que mais mulheres tenham acesso às atividades do Maracatu Coração Nazareno. Para Vandessa, o maior sonho é “poder levar cada vez mais o projeto e essas histórias à frente. As mulheres da Associação merecem este reconhecimento por seu esforço e superação”.


Movimento Natura e o Maracatu Coração Nazareno

Por acreditar na importância de seu trabalho como forma de contribuir para o bem-estar das mulheres e com o desenvolvimento de sua comunidade, a Consultora de Beleza Natura Vandessa Cristina Rodrafe se envolveu com o Maracatu Coração Nazareno.